×

Repressão | PMs agridem entregador de app e rasgam sua CNH em Manaus por apontar infração da viatura

Circula um vídeo em que um trabalhador é agredido pela PM de Manaus e tem sua carteira de habilitação rasgada. O trabalhador teria chamado a atenção dos PMs que entraram à esquerda e não ligaram a seta. A viatura deu a volta e os policiais abordaram covardemente o trabalhador.

terça-feira 27 de setembro | Edição do dia

Imagem: reprodução

“Eles entraram para a esquerda, e eles não deram pisca. Aí eu buzinei, e disse ’Dá o pisca, meu patrão’, só isso. Daí eu segui normal, e lá na frente eles me encostaram, daí eu parei, e subi a calçada, e eles começaram a me agredir" relatou o entregador em um grupo do whatssap. Os policiais rasgaram a carteira de habilitação do rapaz, que, evidentemente, precisa do documento como um instrumento de trabalho.

É mais do que simples abuso de autoridade, a PM faz isso em todo o país para disciplinar a nossa classe cumprindo um papel reacionário para a classe dominante. A polícia ganha cada vez mais força no governo de Jair Bolsonaro, o que é demonstrado pela brutalidade e frequência dos atos de violência policial. São inúmeros os casos de violência e chacinas policiais pelo país, a maior parte não são registrados por câmeras, mas ocorrem diariamente contra a população negra e trabalhadora.

Somente a luta de classes, com a unidade de setores da juventude estudantil e trabalhadores de distintos setores, precários e não precários, é que pode responder nas ruas numa luta anti-racista, a exemplo do Black Lives Matter, e mudar a relação de forças para impor o fim das polícias burguesas e que os capitalistas paguem pela crise.




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias